O tripé da Responsabilidade Social Empresarial (RSE)

Pixabay

Existem diversas definições sobre Responsabilidade Social, contudo acredita-se que conceitualmente é quando empresas, de forma voluntária, adotam posturas, comportamentos e ações que promovam o bem-estar dos seus públicos, da sociedade e do meio ambiente. Trata-se de um compromisso social que leva em consideração a promoção da cidadania, o bem comum e transformação social. A responsabilidade social de uma empresa consiste na sua decisão de participar mais diretamente das ações comunitárias na região em que está presente e reduzir possíveis danos ambientais decorrentes dos tipos de atividade que exerce

É importante frisar que o conceito não deve ser confundido com filantropia, assistencialismo ou doações esporádicas, que não promovem transformações sociais e econômicas efetivas para o desenvolvimento das comunidades. Entende-se responsabilidade social como um processo contínuo e de melhoria da empresa na sua relação ao seu contexto de atuação e públicos. 

Para que a empresa trabalhe o tema da responsabilidade social numa perspectiva sistêmica e abrangente, é preciso que o tema seja incorporado nos processos de gestão. De acordo com o Instituto Ethos 1, a Responsabilidade Social Empresarial (RSE) é “a forma de gestão que se define pela relação ética e transparente da empresa com todos os públicos com os quais se relaciona e pelo estabelecimento de metas empresariais que impulsionem o desenvolvimento sustentável da sociedade” (grifo nosso). A RSE, portanto, está associada a três fatores que definem a essência da sua prática: ética e transparência; respeito aos stakeholders (públicos) e preservação ambiental. Esse tripé, hoje, é considerado fundamental para que uma organização efetivamente busque alcançar a Responsabilidade Social.

Os princípios éticos devem compor a base da cultura de uma empresa, orientando sua conduta e fundamentando sua missão. Nesse sentido, o ser ético nos negócios supõe que as decisões de interesse de determinada empresa respeitem os direitos, os valores e os interesses de todos os públicos que de uma forma ou de outra são por ela afetados. Já a transparência é atender às expectativas sociais, mantendo a coerência entre o discurso e a prática e não sonegando informações importantes sobre seus produtos e serviços.

Todos os stakeholders com os quais a empresa relaciona-se devem ser respeitados integralmente. O relacionamento deve pautar-se pelo diálogo verdadeiro e a busca da harmonização de interesses. Destacam-se, nesse sentido, a comunidade e os funcionários. A melhoria da qualidade de vida da comunidade em que a organização está inserida é uma das premissas da RSE. O investimento no bem-estar dos funcionários e seus dependentes e num ambiente de trabalho agradável.

Atuar de forma socialmente responsável com o público interno significa mais do que respeitar os direitos garantidos pela legislação. Isso é imprescindível, mas também é necessário investir no seu desenvolvimento pessoal e profissional, assim como oferecer sucessivas melhorias nas suas condições de trabalho.

A preocupação com o meio ambiente é uma das questões fundamentais para RSE. A preservação de recursos naturais gera resultados mais favoráveis não somente para a sociedade e para as gerações futuras, mas para as próprias companhias. Além da preocupação com os processos produtivos mais sustentáveis, as empresas devem se preocupar em influenciar o comportamento do consumidor, pois a principal causa dos problemas sociais e ambientais são os padrões insustentáveis de produção e consumo.

Em síntese, adotar uma gestão socialmente responsável implica, necessariamente, atuar buscando trazer benefícios para a sociedade, propiciar a realização profissional dos empregados e promover benefícios para os parceiros e para o meio ambiente, sem deixar de lado o retorno para os investidores.


1 Criado em 1998 por um grupo de empresários e executivos, o Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social é uma organização sem fins lucrativos, caracterizada como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) empenhada em mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de forma socialmente responsável

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s