Pesquisa Científica: O que é? Quais são os tipos de pesquisa?

Pexels/Fotografierende

O que é pesquisa? Pode-se definir pesquisa como um procedimento racional e sistemático que tem como objetivo proporcionar respostas científicas aos problemas propostos. A pesquisa é exigida quando não se dispõe de informação suficiente para responder ao problema central. Conforme Demo (2009, p. 23), “pesquisa é a atividade científica pela qual descobrimos a realidade”.

Pesquisa é, portanto, um processo de investigação que consiste em buscar respostas plausíveis para inquietações científicas. A pesquisa cientifica desenvolve-se a partir dos conhecimentos existentes e passa por várias fases, etapas, desde a formação do problema até a satisfatória apresentação de resultados. Para tal é preciso avaliar a necessidade de verificar, observar, experimentar, analisar, comparar, identificar, medir, realizar ou outra ação científica.

A pesquisa, assim, não é um trabalho feito ao acaso, mais sim planejado e estruturado, devendo empregar procedimentos, métodos, técnicas especificas e criatividade. Quanto ao êxito da pesquisa, Gil (2002) afirma que depende muito de algumas qualidades intelectuais e sociais que o pesquisador deve possuir, entre as quais são:

  1. Conhecimentos básicos sobre o assunto a ser pesquisado;
  2. Motivação e/ou curiosidade;
  3. Criatividade e criticidade;
  4. Sensibilidade social;
  5. Integridade intelectual;
  6. Imaginação disciplinada;
  7. Atitude autocorretiva;
  8. Perseverança e paciência:
  9. Confiança na experiência.

Tipos de Pesquisa

Existem diversas formas de se classificar os tipos de pesquisa. Essa classificação dependerá do objetivo da pesquisa, dos procedimentos de coleta, das fontes de informação e da natureza dos dados (GERHARDT e SILVEIRA, 2009). Vejamos, no quadro a seguir, uma síntese dessa classificação e, em seguida, um breve comentário sobre os principais tipos de pesquisa utilizados na Ciência.

  • Tipos de Pesquisas segundo os objetivos: Exploratória, Descritiva, Experimental e Explicativa.
  • Tipos de Pesquisas segundo os Procedimentos de Coleta: Experimental, Levantamento, Estudo de Caso, Bibliográfica, Documental e Participativa.
  • Tipos de Pesquisas segundo as fontes de Informação: Campo, Laboratório, Bibliográfica e Documental.
  • Tipos de Pesquisas segundo a Natureza dos Dados: Quantitativa e Qualitativa

Entre os pesquisadores, a nomenclatura mais difundida é a classificação da pesquisa segundo seus objetivos: Exploratória, Descritiva, Experimental e Explicativa. É importante ressaltar que esses objetivos não são excludentes e podem-se intercalar nas diversas fases da pesquisa e em razão do fenômeno estudado, da sua natureza e abordagem.

A pesquisa exploratória configura-se como a fase preliminar, antes do planejamento formal do trabalho, e tem como objetivo proporcionar maior familiaridade com o problema, com vistas em torná-lo mais explícito ou em construir hipótese ou questões para o processo de investigação, ou seja, oferecer uma visão panorâmica, uma primeira aproximação a um determinado fenômeno pouco explorado.

A pesquisa descritiva tem como objetivo principal a descrição das características de determinada população ou fenômeno ou, então, o estabelecimento de relações entre variáveis. Essa modalidade de pesquisa pode apresentar diversos subtipos, entre eles: pesquisa descritiva propriamente dita, pesquisa de opinião, pesquisa de motivação, estudo de caso, entre outros.

A pesquisa experimental tem como característica principal a manipulação direta das variáveis relacionadas ao objeto de estudo, ou seja, são criadas situações de controle que interferem na realidade e, com isso, pretende-se explicar as causas e a maneira pela qual o fenômeno é produzido.

A pesquisa explicativa pretende identificar os fatores que contribuem para ocorrência e o desenvolvimento de um determinado fenômeno. Aqui são buscadas as fontes e as razões das coisas.

É importante notar que esses tipos de pesquisas não são excludentes e poderão ser combinados em função dos objetivos da pesquisa, da abordagem escolhida (quantitativa ou qualitativa) e da natureza do objeto a ser estudado. Em função dos objetivos da pesquisa, iremos encontrar diferentes metodologias e técnicas de pesquisa. Vejamos como se distinguem métodos de técnicas de pesquisa:

Técnicas são procedimentos científicos empregados por uma ciência determinada. Compreende a aplicação de instrumentos, regras e procedimentos que facilitam o processo de construção do conhecimento.

 Métodos são técnicas suficientemente gerais para se tornarem procedimentos comuns a uma área das ciências ou a todas as ciências.

Portanto, o método é o procedimento que se segue para estabelecer o significado dos fatos e fenômenos para os quais se dirige o interesse científico, enquanto a técnica é o procedimento prático que se deve seguir para levar a cabo uma investigação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s